Este golfo de fogo…

Neste ano de 2019 e mês de Novembro foi editado e apresentado em Portugal a suposta «tradução» para a nossa língua do livro de Mark Molesky «Este Golfo de Fogo – O Grande Terramoto de Lisboa, ou Apocalipse na Idade da Ciência e da Razão», editado originalmente em 2016. E digo «suposta» porque, sendo editado pela Relógio d’Água, editora cobarde liderada por um cobarde para quem a honra aparentemente pouco… vale, esta versão está infelizmente submetida ao iníquo «AO90» – e, para piorar, no título «gulf» aparece como «abismo»! Recomenda-se, pois, a aquisição do original e não da desvirtuada, deturpada cópia. Porém, pelo menos uma vantagem adveio deste mais do que evidente desperdício de papel e de tinta: precisamente a apresentação, feita por António de Araújo, que, além de referir os méritos da obra do autor, professor e investigador norte-americano, revisita e retrata a calamidade, a catástrofe que se abateu sobre a capital portuguesa a 1 de Novembro de 1755.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

%d bloggers like this: